terça-feira, 14 de setembro de 2010

GM Giovanni Vescovi está fora da Olimpíada de Xadrez

Próxima de viajar, equipe olímpica masculina substitui jogador pelo GM Krikor Mekhitarian

Um anúncio da Confederação Brasileira de Xadrez (CBX) surpreendeu aos enxadristas brasileiros, nesta tarde de terça-feira, 14 de setembro.  O atual presidente da CBX, IA Pablyto Robert Baiôco Ribeiro, publicou no blog oficial da equipe olímpica a troca do GM Giovanni Vescovi, 32 anos, pelo mais recente GM brasileiro, Krikor Sevag Mekhitarian, 23 anos.

Vescovi estava escalado para ser o 2º tabuleiro do Brasil, embora tenha o maior rating da equipe, 2622 Elo-FIDE (de acordo com o Live Rating, classificação extra-oficial paralela e atualizada do rating oficial). Segundo o presidente da CBX, Vescovi enviou um e-mail à Confederação informando que só chegaria a Kanthy-Mansiysk, local da Olimpíada, para a 4ª rodada, pois estaria viajando “em campanha [para as eleições da FIDE] com o candidato Anatoly Karpov”.

O pedido do GM causou desconforto na diretoria da CBX. Segundo apurou esta reportagem, a própria equipe brasileira também não se sentia à vontade com  a solicitação do Grande Mestre, que iria dividir suas atenções em dois objetivos distintos, pelo menos no início da competição.

“Ele [Giovanni] poderia fazer campanha até o dia 17 [de setembro, véspera da viagem] e viajar com a equipe, afinal, ele assumiu esse compromisso antes”, declarou o presidente da CBX.  “Mas Giovanni fez a escolha dele, eu respeitei e o substituí, após ouvir o que os outros membros da equipe pensavam a respeito”, concluiu.

Considerando se tratar de uma posição delicada, membros do time brasileiro procurados pela Rádio Xadrez não quiseram comentar o caso publicamente. “Temos de nos focar nos treinos e nos concentrar no tabuleiro, que já vai ser bem difícil. Essa parte administrativa é a CBX quem deve resolver”, disse um dos jogadores.

Pablyto Robert disse, também, que a troca não tem nenhuma relação com o apoio de Giovanni a Karpov, nem é uma retaliação à campanha que o brasileiro está fazendo para que a CBX mude seu voto na próxima eleição da FIDE. A CBX apoia o candidato Kirsan Ilyumzhinov para o cargo pleiteado pelo ex-campeão mundial Anatoly Karpov. “Eu respeito a posição dele [de apoiar Karpov], mas não posso deixar que fatores externos tirem o foco da equipe”, afirmou o atual presidente. “Os outros jogadores não concordaram [que Giovanni só chegasse à Rússia para a 4ª rodada], e isso foi determinante para a substituição”.

Outro lado
Vescovi fora do time brasileiro na Olimpíada
Procurado pela reportagem da Rádio Xadrez, o GM Giovanni Vescovi afirmou que não desistiu de jogar a Olimpíada, mas foi “desconvocado” pela CBX. “Concordo que não é o ideal chegar para a 4ª rodada, mas reservas existem para substituir titulares quando for o caso”, disse Vescovi. “Nosso reserva recebe o mesmo tratamento que os titulares, ou seja, encontraram uma boa desculpa para me expulsar da equipe”, declarou.

Vescovi citou, ainda, que é comum que os enxadristas não joguem todas as partidas e que esse tipo de pedido já havia sido atendido em situações anteriores. “A CBX convoca e desconvoca quem quiser. Eu não desisti de nada, apenas informei que somente poderia chegar no dia 23 [de setembro] e jogar todas as últimas rodadas”, explicou.

De acordo com o GM, o Brasil segue um caminho errado ao apoiar Kirsan Ilyumzhinov para a presidência da FIDE. “É uma pena [não jogar a Olimpíada], mas não vou desistir de apoiar uma nova gestão da FIDE”, salientou. “A CBX não devia defender uma declaração mentirosa de que [a WIM Beatriz] Marinello é membro honorário de nossa federação e nem apoiar uma administração corrupta e inepta. Todos no braço da FIDE Américas sabem disso”.

Beatriz Marinello
Sobre a WIM chilena radicada nos Estados Unidos, o presidente da CBX defendeu a indicação da jogadora para a vice-presidência da chapa de Kirsan. “Marinello é cadastrada como jogadora na CBX desde 2002. Eu nem tenho como fazer cadastro retroativo nesse sistema atual. Quando entrei na CBX, ela já estava cadastrada”, afirmou.

Segundo o presidente, o caso de Marinello é semelhante ao de outros enxadristas estrangeiros que jogam no País, tais como os GMs Andres Rodriguez (Uruguai) e Neuris Delgado (Colômbia), o MI Leandro Perdomo (Argentina), o MF Luis Rodi (Argentina), entre outros.

Caiu no colo
GM Krikor Mekhitarian em um torneio na Europa
Surpreso com o convite para integrar a equipe, o GM Krikor Mekhitarian disse que viajará já com o restante do time, no próximo dia 18. “O Giovanni era o número 1 da equipe e, tecnicamente, a equipe perde com isso, de fato. Entretanto, tive um ano repleto de torneios e venho me preparando constantemente”, afirmou Krikor.

Desde o início de 2010, os GMs André Diamant, Felipe El Debs e o próprio Krikor  travaram uma disputa à parte em busca de aumentar o rating para ser convocado para a seleção olímpica. Naquela ocasião, Diamant levou a melhor e foi chamado para ser o reserva.

Logística
A CBX enviou hoje [14 de setembro] o pedido de substituição para a organização da Olimpíada. Até o momento em que esse texto foi escrito, não constava a mudança no site oficial. “Há uma pequena preocupação de nossa parte, sobre o fato do comitê não aceitar mais trocas. Mas estamos trabalhando para que tudo seja resolvido”, explicou Pablyto.

A viagem de um novo jogador também irá custar um preço acima do esperado para o Brasil, que havia adquirido os pacotes de viagem no mês de maio. No entanto, levar um time sem reservas prejudicaria bastante o rendimento do País, de acordo com o atual presidente.

Atualização de 21/09/2010:

A Rádio Xadrez realizou uma enquete na última semana perguntando: O que você achou da CBX 'desconvocar' o GM Giovanni Vescovi?

O resultado final foi:


Correto, pois seria injusto com o restante da equipe   87 (71%)
Errado, pois o Brasil precisava de Vescovi na equipe   34 (28%)
 
Votos: 121

Obrigado a todos que participaram. A enquete está encerrada.

4 comentários:

Alvaro Frota disse...

Olá Tiago: Há uma patente contradição entre o discurso de Pablyto de o cadastramento de Beatriz Marinello seria "semelhante ao de outros enxadristas estrangeiros que jogam no País" e o documento assinado por Darcy Lima que afirma ser a enxadrista chilena "an honorary member of our Confederation since 2002, due to her position on FIDE Americas and her excellent word in Chess in Schools fields" (Ver http://tinypic.com/m/dde1vo/4)

Você, enquanto jornalista, poderia tirar isso a limpo!

Aquele abraço!

Marcos Bueno Sander disse...

Reportagem sensacional pessoal!Realmente surpreende essa decisão de última hora.Eu concordo mais com o Giovanni,fazer a substituição é errado e o GM Diamant é reserva para fazer isso mesmo,cubrir uma eventual partida que os titulares não podem ou não querem jogar.Quanto as eleições da FIDE o Kirsan é algo que não me desse garganta abaixo.Depois de 15 anos na FIDE tá mais que na hora desse cara sair.Não sei se o Karpov vai fazer melhor que ele mais uma alternância é mais que bem pedida nesse ano.Fora que surgem cada vez mais casos escandalosos noticiados internacionalmente pelos melhores sites de xadrez do mundo sobre a falta de credibilidade de Ilumizhynov no comando da FIDE.Sou só um Kapivara,mas acho que isso não dá mais.Grande trabalho pessoal!

Sucesso!

MBS.

Luis Souto disse...

É totalmente descabido este pedido do GM Giovani Vescovi. Imagina alguem doente nas primeiras rodadas. O Brasil perde por W.O alguma partida ? Já imaginaram em outro esporte isto? Já imaginaram falar ao Bernardinho do volei isto algum jogador mesmo reserva? Melhor entrar alguem que tem preocupações enxadristicas mesmo, alias este GM Vescovi tem ido muito mal ultimamente mesmo tecnicamente. 1,5 em 9 no Mundial de equipes e quinto na Colombia. Força lá Krikor!!!

Alvaro Frota disse...

É incrível como o analfabetismo político domina a mente das pessoas em todos os campos! Considerar que as eleições da FIDE não são uma "preocupação enxadrística" é de um analfabetismo político exemplar. É por esse motivo que os Ilyumzhinovs da vida dominam tão facilmente, não apenas no campo do Xadrez...

Lances Finos